Perfil

0

Everardo Norões nasceu em 1944, no Crato-CE. Escritor radicado em Pernambuco, viveu na França, Argélia e Moçambique. É autor dos livros: Poemas argelinos (Edições Pirata, 1981), Poemas (Fundação de Cultura da Cidade do Recife, 2000) e Nas entrelinhas do mundo (Bagaço, 2002), este, volume de crônicas em coautoria com Abelardo Baltar.

Depois, pela editora 7 Letras, publicou outros três volumes de poesia: A rua do padre inglês (2006), Retábulo de Jerônimo Bosch (2008) e Poeiras na réstia (2010).

Em 2012, publicou pela Paés a plaquete W. B. & os dez caminhos da cruz, que reúne uma série de poemas inspirados no pensador alemão Walter Benjamin.

Com o livro de contos O fabricante de histórias, venceu o Prêmio Arthur Engrácio, concedido pela Prefeitura de Manaus.

Em 2013, lança pela Confraria do Vento o volume de contos Entre moscas, que foi finalista do Prêmio Jabuti na categoria contos e crônicas e vencedor do Prêmio Portugal Telecom 2014 nessa mesma categoria. 

Além disso, Everardo Norões organizou a obra completa do poeta pernambucano Joaquim Cardozo e coorganizou o livro El Rio Hablador / O rio que fala: antologia da poesia peruana. Como tradutor, verteu para o português versos do poeta mexicano Carlos Pellicer e do poeta italiano Emilio Coco.

Compartilhe

Sobre o autor

Comente!